Congresso dos Estudantes de Ciência e Engenharia de Materiais do Mercosul acontece na UFSCar

Data: 20/07/18 09:38:39

Desde a antiguidade, os mais variados tipos de materiais têm sido fundamentais para a evolução da sociedade. Desde a pedra lascada, do ferro, até a descoberta da borracha natural e sua vulcanização, 10.000 anos de história se passaram e grandes descobertas se seguiram. Agora, para melhorar a qualidade de vida no futuro, os engenheiros de materiais tem trabalhado incansavelmente. Para promover a troca de experiências e discussões sobre várias áreas ligadas a este conhecimento, neste fim de semana, começa na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) o 20º Congresso dos Estudantes de Ciência e Engenharia de Materiais do Mercosul (CECEMM).

A UFSCar foi pioneira na América Latina pela criação e implantação do curso de graduação em Engenharia de Materiais, que iniciou suas atividades no ano de 1970. A inexistência no país de especialistas nessa nova área levou a Universidade a investir num arrojado programa de formação de recursos humanos em nível de mestrado e doutorado, e assim formou profissionais que mudaram o panorama das tradicionais engenharias mecânica, metalúrgica, civil e química, e alavancou não só o desenvolvimento tecnológico e educacional da Capital da Tecnologia, mas de todo o mundo, tornando-se referência na área. Realizado todos os anos, desde 1999, por alunos de diferentes universidades do Brasil, da Argentina, Paraguai e Uruguai, a programação do 20º CECEMM, que vai de 22 a 28 de julho, conta com palestras, mesas-redondas, minicursos, visitas técnicas, e apresentações de pesquisa. Professores da UFSCar, especialistas de outros países e profissionais experientes do mercado já confirmaram presença.

O premiado professor Edgar Dutra Zanotto, docente do Departamento de Engenharia de Materiais (DEMa) da UFSCar, vai falar sobre o Vidro no Congresso. “Este material teve um papel absolutamente importante na nossa vida. Ele está presente na arte, em utensílios domésticos até em equipamento de altíssima tecnologia”, lembra Zanotto. Já William Callister, um dos nomes mais importantes na educação de Ciência de materiais, vai dar algumas dicas para a carreira dos engenheiros. Os caminhos para inovação também serão tratados. A caracterização de materiais, o passado, o presente o futuro dos polímeros, os aços inox e seu fluxo de produção, sensores ambientais e coleta de dados via satélite ainda são alguns dos destaques.

Além disso, a programação do CECEMM oferece visitas técnicas a grandes indústrias, como a Heineken, uma das maiores fabricantes globais de cerveja, e a Embraer, fabricante de aviões comerciais, executivos, agrícolas e militares, além de peças aeroespaciais. Juntamente haverá visitas a indústrias de microfusão de aços, de produção de maquinas de usinagem, de impressão 3D, de papel e celulose, de fabricação de ferramentas, de soluções químicas, e de produtos para saúde, como implantes para coluna. Há ainda diversas opções de minicursos.

Para discutir as atividades dos centros acadêmicos, a representatividade dos alunos e outras questões acontece o Encontro Nacional de Centros Acadêmicos de Engenharia de Materiais, no dia 23 de julho, como parte do XX CECEMM. O evento vai integrar membros dos centros acadêmicos de todo o Brasil. Também haverá o Encontro de Empresas Ju niores de 2018 (ENEJUM), quando empresários estarão juntos para construir soluções para problemas compartilhados, como o preço de projetos de consultoria em engenharia de materiais, a negociação, dentre outros assuntos. Uma oportunidade única.

O evento contribui para o aprendizado acadêmico, mas também auxilia e apoia os estudantes nessa trajetória. Estão previstas mesas redondas sobre Saúde Mental na Universidade, que vai falar sobre cargas horárias e cobranças excessivas e stress contínuo, que podem acarretar em insônia, problemas de concentração e autoestima, e até mesmo em depressão. Professores, alunos e psicólogos, vão falar sobre o desenvolvimento saudável e consciente do aluno durante sua passagem pela Universidade. Uma outra mesa-redonda vai abordar o papel social do engenheiro.

A programação completa do 20º Congresso dos Estudantes de Ciência e Engenharia de Materiais do Mercosul e mais informações estão disponíveis em www.xxcecemm.com.br.