Editora da UFSCar vence pela sexta vez o Prêmio Jabuti

Data: 14/11/16 14:30:09

A Editora da Universidade Federal de São Carlos (EdUFSCar) ganhou o primeiro lugar do Prêmio Jabuti de 2016, na categoria Comunicação, com o livro “Para Além do Código Digital. O Lugar do Jornalismo em um Mundo Interconectado”, de Carlos Sandano. Esta é a sexta vez que a EdUFSCar vence o Prêmio Jabuti, que está na 58ª edição e é considerado o mais importante prêmio nacional do mercado editorial. O anúncio do prêmio, outorgado pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), ocorreu na noite de sexta-feira (11).

O livro de Sandano, professor do Mackenzie e professor convidado da Universidade de São Paulo (USP), discute o status do jornalismo no mundo atual considerando as contingências materiais e cognitivas para a efetiva mediação de diferentes horizontes interpretativos em uma sociedade globalizada e fragmentada.

Em 2014, a editora da UFSCar venceu em primeiro lugar na Categoria Educação; em 2013, ficou com o segundo lugar também na categoria Educação; em 2011, terceiro lugar na categoria Teoria e Crítica Literária; em 2010, conquistou o primeiro lugar na categoria Ciências exatas, tecnologia e informática; e, em 2007, ficou com o primeiro lugar na categoria Teoria e Crítica Literária. A Editora acumula ainda outros prêmios, como o 15º Prêmio Cidadania em Respeita à Diversidade, o da APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte), o Prêmio Nacional de Romance e o Prêmio da União Brasileira de Escritores. Veja lista completa no site www.editora.ufscar.br.

A Editora da UFSCar, dirigida pelo professor Oswaldo Truzzi desde 2000, recebe o apoio jurídico e institucional da Fundação de Apoio Institucional ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FAI) da universidade. Desde seus primeiros livros em 1993, vem incrementando seu catálogo, que hoje conta com quase 600 títulos nas áreas de Ciências Agrárias, Biológicas, Saúde, Exatas e da Terra, Ciências Humanas, Sociais Aplicadas, Engenharias, Linguística, Letras e Artes.

A EdUFSCar participa e promove feiras de livro  (arquivo UFSCar)

(Texto: Rogério Gianlorenzo)