Especialistas apontam necessidade de melhorias de gestão na indústria da construção civil

Data: 28/02/18 17:44:01

A indústria da construção civil é reconhecida como a locomotiva da economia de qualquer país. Por outro lado, consome grande parte dos recursos naturais do planeta e também gera uma quantidade enorme de resíduos que podem ser reciclados. Tendo em vista essa realidade, especialistas têm apontado a necessidade de melhorias de gestão nesta cadeia produtiva, visando criar um impacto positivo no setor. Dentre os desafios, estão otimizar o nível de precisão dos orçamentos, o uso de recursos que geram grandes desperdícios e controlar a produtividade da mão de obras.

Porém, para o professor Itamar Lorenzon, docente do Departamento de Engenharia Civil da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), poucos profissionais estão preparados para lidar com todos os níveis de planejamento que envolve uma obra. “Apesar de ser um conteúdo obrigatório para os cursos na área de Construção Civil, a maioria não tem aulas conceituais sobre os níveis de planejamento nem aulas práticas com programas gerenciadores de projetos”, explica o especialista.

A parte do controle da produção – saber se a obra está andando no ritmo programado, se os recursos estão sendo otimizados, se a mão de obra tem uma produtividade adequada – é um dos aspectos menos trabalhado nos cursos de graduação na construção civil. “O controle é fundamental para quem quer fazer uma gestão plena. Com a medição do desempenho, você consegue estabelecer metas e desafios a serem atingidos, comparar com obras de referência e economizar recursos financeiros”, afirma o professor da UFSCar.

Segundo Itamar, a gestão da qualidade é uma estratégia antiga, utilizada por várias indústrias, mas ainda incipiente na maioria das construtoras. Também nem todas as empresas possuem setor de orçamentos. Para ele, todo profissional da construção civil precisa saber determinar quanto uma obra vai custar, como obter custos unitários e determinar os preços dos insumos que serão contemplados no orçamento. “As empresas atuantes da construção civil estão solicitando profissionais que entendam mais de planejamento, orçamento, produtividade e sustentabilidade”, diz o docente.

Para suprir as deficiências de cursos de graduação e atualizar sobre temas com abordagens mais eficientes de gestão, a UFSCar oferece o Curso de Aperfeiçoamento em Gestão de Obras. “Ensinamos as principais estratégias utilizadas no mercado, bem como as boas práticas existentes e isso trará um diferencial significativo e uma nova competência para o profissional”, explica o professor Itamar, que também coordena a pós-graduação.

Por meio de aulas teóricas e práticas, com exercícios e simulações realizada em programas computacionais os profissionais terão contato com novas abordagens de gestão. Os interessados em uma das 45 vagas podem se inscrever até o dia 16 de março por meio do site www.gestaodeobras7.faiufscar.com, no qual também há mais informações. As aulas, que começam em março, são presenciais e acontecem aos sábados no Campus São Carlos da UFSCar, com término em 2019.